14/03/2020

Stella caeli - Canto para tempos de peste

Olá, amigos!

De tempos em tempos sempre surge alguma doença nova que espalha o pânico e o medo por todo o mundo. No início deste ano de 2020 é a vez do Coronavírus, que no momento em que escrevo esta postagem já está foi responsável por milhares de mortes no mundo, além de prejuízos econômicos e até mesmo espirituais, pois muitos locais estão suspendendo a celebração das santas missas para evitar o contágio do vírus.

Apesar da situação no Brasil (por enquanto) não ser tão preocupante quanto na Europa e na Ásia, todo cuidado é pouco e devemos sim nos preocupar e suplicar a Deus que livre nosso povo da doença. (Atualização 17/05/2020) Agora a situação está beirando a calamidade! Precisamos muito rogar aos céus o auxílio e a misericórdia divina!

Por isso está se divulgando bastante, sobretudo entre os católicos na Itália, esta antiga oração que foi escrita durante uma peste em Coimbra em 1317, que, após ser entoada pelas irmãs de Santa Clara,  livrou a cidade daquela doença. (https://www.chiesacimiteroverona.it/7-notizie/404-stella-caeli-extirpavit.html)


Por ser um canto mariano, podemos usá-lo como canto final nas missas!

Stella Caeli - Canto Gregoriano
Tom: Dm
https://www.dropbox.com/s/4p1zm9vt7r1g1qo/Stella%20caeli%20Canto%20para%20tempos%20de%20peste.pdf?dl=0




Stella Caeli exstirpavit
quae lactavit Dominum,
mortis pestem quam plantavit
primus parens hominum.

Ipsa Stella nunc dignetur 
sidera compescere,
quorum bella plebem caedunt
dirae mortis ulcere.

O gloriosa Stella Maris
a peste succurre nobis.  

Audi nos, nam te
Filius Nihil negans honorat.

Salva nos Jesu pro quibus

Virgo mater te orat!

V.: In omni tribulatióne et angústia nostra
R.: Succúrre nobis, piíssima Virgo Maria

Oremus.
Deus misericordiae, Deus pietatis, Deus indulgentiae, qui misertus es super afflictione Populi tui, et dixisti Angelo percutienti Populum tuum: contine manum tuam ob amorem illius Stellae gloriosae, cujus ubera pretiosa contra venenum nostrorum delictorum quam dulciter suxisti: praesta auxilium gratiae tuae, ab omni peste, et improvisa morte secure liberemur, et a totius perditionis incursu misericorditer liberemur.
Per te Jesu Christi Rex Gloria, Salvator Mundi: Qui vivis, et regnas in secula seculorum. Amen. 
 

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Estrela do Céu que nutriu o Senhor e expulsou a praga da morte que os primeiros pais do homem trouxeram ao mundo. 
Que esta estrela brilhante garanta-nos segurança para extinguir aquela constelação imunda cujas batalhas mataram o povo com a ferida da morte.

Ó piedosa estrela do mar, preserva-nos da peste; ouça-nos, ó Senhora, pois Teu Filho Te honra em negar-Te nada. 
Salve-nos, ó Jesus, por quem Sua Mãe Virgem suplica.

V: Em todas as nossas tribulações e angústias,
R.: Socorrei-nos, piíssima Virgem Maria.

Oremus:
Deus de misericórdia, Deus de piedade, Deus de perdão, que se moveu com compaixão pela aflição de vosso povo, e que dissestes ao anjo que atingia o vosso povo, retira vossa mão por amor daquela Estrela gloriosa, de cujo seio precioso vos nutriste contra o veneno de nossos pecados; Vinde em nosso auxílio com vossa divina graça para que nos libertemos da peste, da morte súbita e de todo perigo de perdição. 
Por Jesus Cristo, Rei da Glória e Salvador do Mundo, que vive e reina por todos os séculos dos séculos. Amém.




2 comentários:

  1. É viável postar essa Antífona trduzida para o vernáculo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente não. A tradução dela não é muito musicável e não existe adaptação oficial

      Excluir

Deixe aqui seu comentário!
Por favor, identifique-se!