PESQUISAR

25/12/2014

Feliz Natal!


14/12/2014

Marco Frisina e outros cantos

Olá, amigos!

Postarei hoje algumas partituras aleatórias que foram feitas para atender a nossa "demanda interna".

Provai e vede - Marco Frisina
Tom: Eb
https://www.dropbox.com/s/2x7xuoue8rdvu99/Provai%20e%20vede%20-%20Frisina.pdf?dl=0

Veni, Veni Emmanuel ("O Come, o come", ou "Vinde, vide Emanuel")
Tom: Em
https://www.dropbox.com/s/d911s1t4yinllna/Veni%20veni%20Emmanuel.pdf?dl=0

Kyrie - Missa Orbis Factor - Canto gregoriano
Tom: Dm
https://www.dropbox.com/s/jhbalfoelzhjvec/Kyrie%20Orbis%20factor.pdf?dl=0

O Filii et Filiae - Canto gregoriano para Páscoa (partitura estilizada)
Tom: Am
https://www.dropbox.com/s/j2ski2f4ouaof1q/O%20Filii%20et%20Filiae.pdf?dl=0

13/12/2014

Pedidos de e-mail #56

Olá, amigos.

Continuamos com mais pedidos de e-mail, por que o blog não pode parar.

Quando tiver Sessenta - Rosa de Saron
Tom: F
https://www.dropbox.com/s/oeek4m40kb120yh/Quando_Tiver_Sessenta.pdf?dl=0


O que é que eu sou sem Jesus - Pe Alessandro Campos 
Tom: F#
https://www.dropbox.com/s/io66pcdtg2u1byq/O_que_%C3%A9_que_eu_sou_sem_Jesus.pdf?dl=0

Coração Contrito - Flavinho
Tom: D
https://www.dropbox.com/s/ml92xsn75jg4qey/Cora%C3%A7%C3%A3o_Contrito.pdf?dl=0

Sacramento de Amor - Toca de Assis
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/0lz29qfsr6na4it/Sacramento_de_Amor.pdf?dl=0

Meu céu - Fátima Souza
Tom: Cb
https://www.dropbox.com/s/migqsbxqf0tucxk/Meu%20c%C3%A9u.pdf?dl=0



Aviso!

Olá, amigos!

Informamos que a nossa equipe dos e-mails - Bárbara e Fiama - vão estar de "férias" entre os dias 15 de Dezembro e 15 de Janeiro. Nesse período nós não iremos aceitar novos pedidos de partitura.
Mas a equipe de partituras - Junior, Biga e Victor - irá aproveitar esse tempo para atender as dezenas de pedidos atrasados!
E as postagens no blog irão continuar normalmente (espero que com mais frequência também...)

Agradecemos a compreenção de todos.

05/11/2014

28/10/2014

Pedidos do e-mail #53

Olá, amigos!

Depois de um tempo sem partituras novas, voltamos à atividade.
Postaremos hoje mais algumas que nos foram pedidas por e-mail.

Venho Senhor ofertar - Banda Fatima
Tom: A (a original é em Si bemol)

https://www.dropbox.com/s/fu2ry0pwd9b36dn/venho%20senhor%20ofertar%20-%20banda%20de%20fatima.pdf?dl=0


 Já deu tudo certo - Padre Marcelo Rossi
Tom: A

https://www.dropbox.com/s/u7j0ezlmnfpwwse/Ja%20deu%20tudo%20certo%20-%20pe%20Marcelo.pdf?dl=0


Fala Senhor - Márcio Todeschini
Tom: D

https://www.dropbox.com/s/8ya65leyh5q0lat/Fala_Senhor.pdf?dl=0


Namorando - Grecco
Tom: D

https://www.dropbox.com/s/v1rl2q5v0n28no4/Namorando.pdf?dl=0




07/10/2014

Aviso

Olá, amigos!

Pedimos desculpas pela nossa ausência aqui no blog...
Em breve voltaremos à programação normal.

A Equipe

01/09/2014

Hino a Nossa Senhora da Luz

Olá, amigos!
Postaremos hoje a partitura do Hino a Nossa Senhora da Luz, a padroeira da cidade de Curitiba.


Essa partitura foi passada a limpo a partir de uma manuscrita que o Khae Lhucas me passou. Não se sabe quem a compôs.


Hino a Nossa Senhora da luz (Link corrigido)

https://www.dropbox.com/s/84yhrwl77bmo1f4/Hino%20Nossa%20Senhora%20da%20Luz%20em%20C.pdf?dl=0

No vídeo, Khae e Mel cantam o hino, com Junior Foggiatto (eu) acompanhando com o órgão da Catedral.








31/08/2014

Cantos Gregorianos - Livro

Olá, amigos!

Há um tempo atrás postei aqui no blog algumas partituras gregorianas que havia retirado de um livro que
encontrei na internet. Vou compartilhar com vocês hoje esse livro!

Ele é do Gregorian Institute of America, da década de 50. Tem anotações em inglês, e as traduções dos cantos latinos também em inglês. Não lembro onde encontrei ele, mas foi um grande achado.
Espero que gostem!

Chants of the Church:
https://www.dropbox.com/s/4v9ltb1urpdyogs/chants-of-the-church.pdf?dl=0

20/08/2014

Pedidos do e-mail #52

Olá, amigos.
Peço desculpas pela demora em postar aqui... Tentarei postar mais frequentemente.

E continuando com os pedidos de partitura:

Restaura nossa casa, Senhor - Salette Ferreira
Tom: Fá maior
https://www.dropbox.com/s/j986sx86bros5tp/Restaura_nossa_casa_Senhor.pdf


Pelo nome - Leticia Seriani
Tom: Fá# maior
https://www.dropbox.com/s/45vocqfslzxafyc/Pelo_Nome.pdf


Fiel Pelicano - Toca de Assis
Tom: Mi menor
https://www.dropbox.com/s/1qe9qeflebdrxsa/Fiel_Pelicano.pdf


Ser Sacerdote - Autor desconhecido
Tom: Si bemol maior
https://www.dropbox.com/s/57w2xr1fmk862vk/Ser_Sacerdote.pdf


Pela graça - Tony Allysson
Tom: Si menor
https://www.dropbox.com/s/wo14gxnfybsdwlb/Pela_Gra%C3%A7a.pdf


Motorista de Jesus - Pe. Osmar Coppi
Tom: Dó maior
https://www.dropbox.com/s/kfpv5esducdi8ik/Motorista_de_Jesus.pdf

08/08/2014

"Ninguém te condenou? Nem eu te condeno. Vai e não voltes a pecar"

por Matheus Henrique

Vamos supor a seguinte situação: você acorda pela manhã e se olha no espelho. Qual a sua primeira sensação? Como você está? Com a face “amarrotada” pelo travesseiro? Com os cabelos bagunçados? Com mau hálito?

Essa situação que nos foi proposta para refletirmos é sobre o nosso físico. É uma situação onde podemos olha e dizer: “Eu estou assim e não tenho como negar”. Ou seja, se eu olho o meu físico, posso ver que não estou bem ao acordar, por isso tomo um banho, escovo meus dentes, coloco uma roupa, passo um perfume e estou pronto. Agora sim posso dizer que tomei posse da minha beleza física, a beleza exterior.

Agora vamos propor outra situação; dessa vez mais do que uma reflexão, será um desafio onde teremos que nos voltar para dentro de nós mesmos e nos questionar: Como eu estou como pessoa? Será que estou sendo realmente a pessoa que eu sou ou estou sendo a pessoa que cada um quer que eu seja?

O termo pessoa foi muito utilizado ao longo da história da humanidade, sobretudo dentro do contexto grego como as máscaras da comédia e da tragédia que os atores usavam para interpretar no teatro.

Com a evolução do pensamento teológico e filosófico, o conceito de pessoa como apenas máscara foi sendo extinto, mostrando que o ser pessoa é muito mais do que uma simples máscara.

Quando faço pregações sobre este tema, gosto muito de utilizar a passagem do Evangelho de São João, capítulo 8 onde uma prostituta é levada até Jesus para que Ele possa julgá-la, quando, na verdade, os judeus querem ouvir o que Jesus irá falar para poderem acusá-lo de romper as leis.

Refletindo esse Evangelho, é impressionante como Jesus faz a prostituta tomar posse daquilo que ela realmente era. Jesus não imagina aquela mulher, Ele não a vê sob a óptica dos homens que a viam como “a prostituta”, mas a vê pela óptica do amor, da compaixão: volta naquela mulher a primeira condição existente: ser filha de Deus e amada. Jesus não deixa que ela caia na imaginação dos outros. A prostituta toma posse daquilo que ela realmente é, mas que havia perdido por ter deixado os outros a imaginarem e ter se submetido a tal imaginação.

Ser pessoa é isso: tomar posse daquilo que eu sou mesmo sob as minhas limitações, mas não posso deixar os outros me imaginarem e muito menos me imaginar.

A graça de Deus não é uma realidade que está à cima de mim, mas é um movimento que me faz refletir quem eu sou; é um espelho que Deus coloca na minha frente para que eu me veja e para que eu descubra quem eu sou.

Voltando ao Evangelho, ali havia uma realidade: uma prostituta pega em adultério pronta para ser apedrejada, mas Jesus, em seu amor faz com que aquela mulher volte a se conhecer, volte a perceber que ela era um ser humano, uma filha especial para Deus; eu não tenho o direito de me projetar nessa imaginação que a vida fez de mim: me tornei prostituta, mas eu não sou prostituta e não nasci para ser prostituta.

Porque temos a dificuldade de dispormos de quem a gente é?

Nós somos feitos de momento, de brilhos temporários, ficamos atrás de coisas que pensamos que vão ser eternas. Tendemos a querer tudo na hora, não paramos para refletir e acabamos indo “na onda” de qualquer artifício que nos é apresentado, vamos atrás de brilhos temporários, e quando percebemos que essa alegria é temporária, que esse brilho se apagou nos decepcionamos e vamos cavando dentro de nós uma ausência de disposição de si: com isso vamos colocando nossa vida na mão do outro que vai decidindo por nós e com isso vamos nos perdendo. Ou pior, vamos criando em nossa vida personagens, para “fulano” vou ser assim e para “beltrano” serei assim.

Não fique criando personagens dentro de você, não fique se tornando outra pessoa, pois quando você morrer corre o risco de chegar lá em cima e Deus olhar para você e perguntar: “Te conheço? Te criei um e agora vem outro?”


Eu sei quem eu sou e não tenho o direito de me transformar na imaginação do outro, porque pode ser que o outro esteja me imaginando totalmente diferente do que Deus me fez. E entre o que Deus me fez e o que os outro imaginam que eu sou, eu prefiro ser aquilo que Deus me fez.

Após esta reflexão, convido você a ouvir a música "Imagem e Semelhança" e juntos rezarmos ao Senhor, que nos ajude a tomarmos posse daquilo que Ele tem para nós. Tomarmos posse de nossa Vocação, de nossa vida de filhos e filhas amados.

A todos meu abraço e minhas orações.

23/07/2014

O Primeiro Olhar

Olá, amigos.

Eu havia feito essa partitura a muito tempo, e mesmo assim muitas pessoas me pediam pelo Facebook e pelo e-mail. Foi então que percebi que não havia postado aqui ainda!

Pois bem, aí está ela:

O Primeiro Olhar -Anjos de Resgate.

Tom: Lá maior
https://www.dropbox.com/s/svrti4p7jls3n7k/o%20primeiro%20olhar.pdf


06/07/2014

Músicos católicos #1 - Comunidade Shalom


Olá, amigos!
Começamos hoje a série de postagens sobre os músicos católicos!
Confira também as outras postagens que fizemos:!
Mons. Marco Frisina
Comunidade Shalom
Irmã Kelly Patrícia
Anjos de Resgate
Amor e Adoração
Eliana Ribeiro
José Acácio Santana
Pe. Antônio Maria
Toca de Assis
 


Texto de Bárbara Bedôr Novo
A Comunidade Católica Shalom surgiu em 1982, a partir do desejo de seu fundador Moysés e
outros amigos em ter algo que atraísse os jovens para mais perto da vida na Igreja. O que começou como apenas uma Lanchonete, logo virou uma Comunidade que a cada ano se espalha para mais um país de todo o mundo. E até hoje sua primeira sede, continua a existir no estado do Ceará.

http://cidadeverde.com/noticias/editor/assets/img63/pericles/missionario%20shalom%20teresina1.jpgA Comunidade atua em vários segmentos como, livraria, editora, lanchonete, artes entre outros. No meio musical, mais especificamente, pode ser encontrada em dois ramos principais: Missionário Shalom e Comunidade Shalom. O Missionário Shalom, trabalha com a produção de músicas mais para o dia a dia, já a Comunidade Shalom tem seu enfoque em músicas voltadas para Missas.


A seguir as partituras da Comunidade Shalom que já foram postadas no blog!

Porta do céu
Tom: C
https://www.dropbox.com/s/sukjcysbhejzslc/Porta_do_C%C3%A9u.pdf

Teu amor me sustentará
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/7wlxl22mofjevsv/Teu_amor_me_sustentar%C3%A1.pdf

Estar em tuas mãos
Tom: F#m
https://www.dropbox.com/s/08qc1e06uei7ogp/estar%20em%20tuas%20maos.pdf

 Introdução - Estar em tuas mãos
https://www.dropbox.com/s/hqmhgmzu1dn4mfn/Estar_em_Tuas_m%C3%A3os-_Intro.pdf

Eu canto louvores
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/y1gs8n9jfg12z6t/Eu_canto_louvores.pdf

Em Teus braços
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/6fmgn283x290gru/Em_teus_bra%C3%A7os.pdf

Inigualável comunhão
Tom: C
https://www.dropbox.com/s/5px8ughwvcwv641/Inigual%C3%A1vel_Comunh%C3%A3o.pdf

Quem é esse Deus?
Tom: D
https://www.dropbox.com/s/9ubtqjg6mfxw195/quem%20%C3%A9%20esse%20Deus%20D.pdf

Ressuscitou
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/27qst3v7gxcyapk/Ressuscitou.pdf

Tesouro e Herança
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/gsr6faajqo0tccf/Tesouro_e_heran%C3%A7a.pdf

Arrasta-nos
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/r2v8x2fq1h2eelt/Arrasta-nos.pdf

Fogo Abrasador
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/5ub1l0dnbtcg32i/FOGO_ABRASADOR.pdf

Atualização - 14/01/2016

Esposo Ressuscitado:
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/yi004a5mgi8843f/Esposo_Ressuscitado.pdf?dl=0

Cântico de Moisés
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/4kahbi67saz48st/Cantico%20de%20Mois%C3%A9s%20-%20Shalom.pdf?dl=0

Tudo Passa
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/605fzeur2uaekhx/Tudo%20passa%20-%20Shalom.pdf?dl=0

Agnus Dei
Tom: Gm
https://www.dropbox.com/s/de613agcilggyer/Agnus%20Dei%20-%20Shalom.pdf?dl=0



* Especial de partituras da JMJ 2013 *
http://saopedropartituras.blogspot.com.br/2015/07/especial-jmj-2013.html

__________________

Essa foi a primeira postagem da série "Músicos Católicos", onde falaremos sempre de algum cantor/cantora/compositor/grupo católico e postaremos várias partituras!
Tem alguma sugestão? Deixe um comentário!

29/06/2014

São Pedro e São Paulo



Texto e imagem principal: Karina Rina

A paz de Jesus e o amor de Maria!
"Tu es Petrus"
(Imagem na Basílica de S. Pedro, Vaticano)

Hoje nossa Santa Igreja celebra a Solenidade de São Pedro e São Paulo Apóstolos, grandes mártires e fiéis seguidores de Cristo. Dois homens chamados por Deus à conversão das almas. Dois homens que guiaram a Igreja primitiva com fé, esperança e caridade.

São Pedro foi um pescador humilde, um homem impetuoso, que um dia teve sua vida transformada após o encontro com Jesus Cristo. Esse homem que certa vez pede a Deus para caminhar sobre as águas, mas que começa a afundar quando sente medo (Mt 14, 22-33), é o mesmo que prometeu morrer por Cristo mas O nega por três vezes (Mc 14, 66-72). Ainda assim, mediante sua fragilidade humana, Cristo o elege para ser o primeiro Papa da Igreja Católica: “Tu és Pedro e sobre esta pedra, edificareis a Minha Igreja.” (Mt 16, 18); “Simão, filho de Jonas, amas-me? Apascenta as minhas ovelhas” (Jo 21, 15-19). Isso só comprova a frase de Bento XVI logo quando eleito Pontífice: “Consola-me saber que Deus sabe trabalhar e agir também com instrumentos insuficientes”. Deus faz de um humilde pescador, um pescador de almas. Deus capacita aquele que, aos olhos do mundo, não tinha capacidade ou preparo suficientes para uma missão tão grandiosa.
http://www.gaudiumpress.org/resource/view?id=75059&size=2
São Paulo - Imagem da basílica
de São Paulo Extramuros, Roma

São Paulo foi grande perseguidor dos cristãos da igreja primitiva, até o dia em quê Deus se manifesta à ele: “Saulo, Saulo, por que me persegues? (Atos 9:4)”. Aquele que perseguia a Cristo, tornou-se fiel seguidor, difundindo o evangelho à todas as criaturas, exortando e vivenciando a palavra de Deus todos os dias através do Espírito Santo: “E a minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus.” (I Coríntios 2:4-5). Aquele que era perseguidor, tornou-se objeto de perseguição: “Perseguições e aflições tais quais me aconteceram em Antioquia, em Icônio, e em Listra; quantas perseguições sofri, e o Senhor de todas me livrou” (2 Timóteo 3:11).
Queremos hoje agradecer a Deus por suscitar nos corações desses homens o chamado à conversão. Queremos agradecer a esses homens porque deram seu sim para a missão evangelizadora, porque sofreram na carne perseguições mas repousaram sua confiança em Deus. Nós também somos chamados a seguir a Cristo, ainda que sejamos impetuosos, medrosos ou neguemos a Cristo, ainda que persigamos a opinião da Igreja em determinados aspectos ou vivemos no pecado. Somos chamados a uma mudança de vida e de mentalidade. Somos chamados a sermos pescadores de almas e testemunhas da verdade que é uma só. Que nessa data festiva, possamos nos abrir inteiramente a ação do Espírito Santo para que se manifeste em nós e através de nós a palavra de Deus, levando-nos a melhorar o nosso servir e o nosso seguir a Cristo e à Igreja. Que assumamos a nossa identidade cristã de uma vez por todas, sem nos escondermos atrás de máscaras que o mundo nos dispõe.
Que Deus abençoe a todos nós. São Pedro e São Paulo, roguem por nós.


___        ___       ___        ___       ___

Seguem algumas músicas dedicadas a nosso padroeiro São Pedro!

Aleluia! Tu és Pedro
Tom: E



Hino a São Pedro (Ó São Pedro, pedra forte)
Tom: D


Com Pedro e com Paulo (Toda a Igreja unida celebra)
Tom: D


São Pedro, amastes o Senhor
Tom: G


11/06/2014

Veni Creator Spiritu / Panis Angelicus

Olá, amigos!
Postarei hoje mais duas músicas em latin: o canto gregoriano Veni Creator Spiritu (em notação moderna e acordes) e a música Panis Angelicus, na versão de Cesar Frank (que ficou famosa nas vozes de Pavarotti, Andrea Bocelli e outros cantores).  Vídeos no fim da postagem.

Futuramente eu posso fazer a partira da Panis Angelicus gregoriana, se alguém quiser.

Panis Angelicus - Cesar Frank
Tom: A (se acharem que é muito alto eu posso baixar o tom)
https://www.dropbox.com/s/yi6sn8088i4onhj/Panis%20Angelicus%20Cesar%20Frank.pdf

Veni Creator Spiritu - Canto gregoriano
Tom: A
https://www.dropbox.com/s/3v6e5ivnibj0qv3/Veni%20creator%20Spiritu.pdf



07/06/2014

Pedidos do e-mail #50 - e mais gente na equipe!

Olá, amigos!
Seguem mais algumas partituras pedidas pelo e-mail nessa 50ª postagem de pedidos de e-mail! :D
(estou testando o link direto do Dropbox, então se notarem algum problema por favor nos avisem!)

Chagas que curam - Pe. Reginaldo Manzotti
Tom: D
https://www.dropbox.com/s/0s714etpyvbv1kd/Chagas_que_curam.pdf


Virgem de Lourdes
Tom: D
https://www.dropbox.com/s/rfnn8ugz9yzr924/Virgem_de_Lourdes.pdf


Um só Corpo - Com. Shalom
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/wp3brmcshq6jmg3/Um_s%C3%B3_Corpo.pdf


Livre Acesso - Eliana Ribeiro
Tom: G
https://www.dropbox.com/s/0vn1jwlb04094bo/Livre_Acesso.pdf


Nossos caminhos - Nelsinho Correa / Adriana
Tom: E
https://www.dropbox.com/s/yy9f493dwfz8rqx/Nossos_caminhos.pdf

Toma e come - Diego Fernandes
Tom: C
https://www.dropbox.com/s/oajvrn6ouo7x5bw/Toma_e_come.pdf

 ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___ ___

Com alegria comunicamos que temos mais uma integrantes na equipe: Fiama

Ela estará ajudando a Bárbara a ler e responder os e-mails!

Seja bem vinda à nossa equipe e obrigado por ajudar com nosso blog!


E se você quiser nos ajudar também, envie um e-mail para nossa equipe que podemos conversar a respeito.

13/05/2014

Nossa Senhora de Fátima

Olá,  amigos!

Hoje é dia de Nossa Senhora de Fátima! Em 1917 ela apareceu aos pastores Lúcia,  Francisco e Jacinta e deixou diversas mensagens,  mas principalmente pedindo oração constante e penitência.

Procuremos seguir a mensagem de Fátima em nossas vidas, rezando o terço todos os dias em família e pedindo que a Santíssima Virgem Maria interceda sempre por nós,  nossas famílias,  nosso país e o mundo, e pela nossa Igreja.


09/05/2014

Pedidos do e-mail #48 e dia das mães

Olá,  amigos.

Postaremos hoje as primeiras partituras feitas pelo Victor, atendendo a pedidos.

Aproveitamos para desejar um Feliz dia das mães às nossas mães,  para as mães que acessam o blog e as mães de todos vocês!



Mãe - Pe. Joãozinho
Tom: C

http://files.spdpartituras.webnode.com/200000386-60feb61f09/M%C3%A3e%20-%20Pe.%20Jo%C3%A3ozinho.pdf


Uvas e trigais
Tom: C

http://files.spdpartituras.webnode.com/200000388-40f4742e5c/Uvas%20e%20Trigais.pdf

Soberano - Tony Allysson
Tom: C

http://files.spdpartituras.webnode.com/200000387-9a0c39b06e/Tony%20Allysson%20-%20Soberano.pdf

02/05/2014

Credo III (De Angelis)

Olá, amigos!

Postarei hoje para vocês a partitura que eu fiz da melodia gregoriana mais conhecida do Credo Niceno-Constantinopolitano. Peço que se notarem alguma irregularidade, que me avisem!

Eu fiz conforme a versão que encontrei no Youtube, cantada na Notre Dame de Paris (como sempre), que é uma das mais bonitas que eu achei. Mas se alguém preferir em outro tom, nos envie um e-mail solicitando que eu mudo o tom dela.


Credo III
Tom: D
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000371-3392c348cf/Credo%20III.pdf

Seguem algumas versões:

Improvisação seguida do Credo, na Notre Dame de Paris






01/05/2014

Pedidos do e-mail #47 - e mais gente nova

Olá, amigos!
Confiram a seguir mais algumas partituras que nos foram solicitadas por e-mail.

Abraço da Paz / Cordeiro de Deus - Banda de Fátima
Tom: D / E
* Nossa equipe não recomenda que se cante alguma música de "abraço da paz" durante a missa, pois não está previsto na Liturgia.
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000373-ba480bc3a9/Abra%C3%A7o%20de%20paz%20-%20Cordeiro%20-%20Banda%20Fatima.pdf

Bendito, Louvado seja (... o Santíssimo Sacramento) - Popular
Tom: D
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000382-9d3389f277/Bendito%2C_louvado_seja.pdf

Com poesia - Walmir Alencar
Tom: D
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000375-85fa587ecc/Com_poesia.pdf

Estar em tuas mãos (introdução) - Shalom
Tom: A
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000376-198e11a891/Estar_em_Tuas_m%C3%A3os-_Intro.pdf

* A partitura da música "Estar em tuas mãos" foi postada a algum tempo atrás no blog, mas estou postando novamente aqui:
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000160-df709e163f/estar%20em%20tuas%20maos.pdf

Eu canto louvores - Shalom
Tom: E
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000381-e67ace86eb/Eu_canto_louvores.pdf

Hino à Divina Vontade - Ir. Kelly Patrícia
Tom: C
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000377-e4a6ae5a10/Hino_%C3%A0_Divina_Vontade.pdf

___________________________________________________________

A equipe do blog São Pedro Partituras tem mais um integrante: Victor Mantuaneli, que ajudará eu e o Biga a transcrever as partituras para vocês.

Seja bem vindo, Victor!




19/04/2014

Ó MORTE, ONDE ESTÁ TUA VITÓRIA?




Por: Matheus H.
Imagem: Karina Rina

Amados e amadas em Cristo Jesus,
Paz e bem!

Em um dos meus artigos para este blog escrevi sobre a Quaresma. Percorremos cada final de semana, sua Liturgia e seu Mistério. E hoje, já em clima de festa pela ressurreição de Jesus Cristo, quero refletir com vocês sobre a Páscoa.

Antes, porém, de refletirmos sobre a Páscoa e seu Mistério, penso que seja interessante perpassarmos nosso olhar sobre o Tríduo Pascal que iniciaremos amanhã, com a celebração da Instituição da Eucaristia e o lava-pés.

A Páscoa era a única festa da Igreja até o fim do século III. Falava-se de Pentecostes não como uma festa, como hoje celebramos, mas como uma continuidade da grande celebração pascal. Cinquenta dias formando um único “verdadeiro dia de festa”. Apenas no fim do século II a Igreja começa a celebrar a memória dos Mártires.

Ao encontro disto, Visonà nos explica que nos três primeiros séculos a Páscoa foi sim a única festa litúrgica, rica em liturgias e teologias, que se traduz no caráter globalizante que lhe é dado ao celebrar todo o Mistério da Redenção.

Celebrar a Páscoa, fundamentalmente, significa celebrar o Rito Eucarístico, devendo considerar quatro Páscoas da história da salvação:

1ª. A Páscoa do Senhor: isto é, a passagem salvífica do Senhor na noite da saída do Egito;
2ª. A Páscoa dos judeus: ou seja, a celebração do “memorial” ou memória objetiva realizada com o rito da ceia pascal;
3ª. A Páscoa de Cristo: isto é, a sua imolação sobre a Cruz, a sua passagem deste mundo para o Pai, através da Paixão e da Ressurreição;
4ª. A Páscoa da Igreja: celebrada sacramentalmente, “in mysterio”, anualmente, mas também semanalmente e cotidianamente no rito Eucarístico.

O rito pascal, tanto no Antigo como no Novo Testamento, está intimamente ligado à Páscoa histórica, da qual é memorial eficaz, presença real da salvação e anúncio do seu cumprimento definitivo (dimensão escatológica).

A Ceia Pascal de Cristo não tem outro significado. Inserida no ritual da ceia pascal hebraica, recebe dela a tríplice ligação que a une à Páscoa que, embora sendo evento histórico (libertação de Israel do Egito), é essencialmente simbólica, pois está orientada para a futura libertação “messiânica”, o rito realizado por Cristo (pão e vinho = Corpo e Sangue de Cristo, verdadeiro Cordeiro Pascal, e Sangue da verdadeira Aliança em relação à Aliança do Sinai, conclusiva da Páscoa do Êxodo) é memorial, a presença da verdadeira Páscoa, que se realiza na “passagem” redentora de Cristo, e é anúncio da redenção completa, que se realizará quando “todos os homens” tiverem celebrado a “Páscoa de Cristo”.


O Tríduo da Páscoa de Cristo, liga-nos, então, ao sentido real, mas em situação temporal, da redenção operada pelo Senhor.

Durante este Tempo Pascal estaremos refletindo um pouco mais sobre o Mistério da Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor. Acompanhem-nos!

Desejo a todos uma feliz e Santa Páscoa!

Matheus Henrique.
http://www.mistagogos.blogspot.com.br/
  
Seguem algumas músicas (sem partitura ainda) selecionadas pela nossa equipe:


 
 
_

16/03/2014

Pedidos do e-mail #45 e gente nova no blog!

Olá, amigos!
A seguir para vocês mais algumas partituras que vocês nos pediram por e-mail!
E depois delas, um anúncio importante:

Arrasta-nos - Shalom
Tom: E

http://files.spdpartituras.webnode.com/200000360-347033569c/Arrasta-nos.pdf

A Barca (JMJ) - Cesareo Garabain
Tom: C
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000364-8e3428f2e2/A_Barca_-_JMJ.pdf

 Bendita sejais - Maria do Rosário
Tom: D
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000361-c3f82c4f1f/Bendita_Sejais.pdf

Canto do servo sofredor
Tom: Bm
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000359-f1ec3f2e5e/Canto_do_Servo_Sofredor.pdf

Ceia das vozes - Grecco
Tom: F
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000363-b642fb73c6/Ceia_das_vozes.pdf

Mãe da confiança - banda Dominus
Tom: E
http://files.spdpartituras.webnode.com/200000369-b722bb9159/M%C3%A3e%20da%20Confian%C3%A7a%20-%20Dominus.pdf


E é com grande alegria que anunciamos mais uma integrante no nosso blog: a Karina!
Ela é a responsável pela nossa página no Facebook.

Aliás, o segundo anúncio é esse:
Nosso blog agora tem uma página no Facebook, onde avisaremos sempre sobre as novas postagens aqui do blog, e onde vocês também poderão sugerir e pedir suas partituras!
Curtam a página e compartilhem as nossas publicações, para que mais pessoas possam ser ajudadas pela nossa equipe.

Desejamos boas-vindas à Karina e agradecemos por ela se dispor em nos ajudar!

Partituras Católicas no Facebook:

https://www.facebook.com/saopedropartituras/?fref=nf




25/02/2014

Quaresma



Por: Matheus H.

Amados irmãos em Cristo Jesus,
Paz e bem!
Hoje vamos refletir sobre a Quaresma, este tempo de 40 dias em que adentramos ao deserto com o Senhor.
A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) vem nos dizer que “cantar a Quaresma é, antes de tudo, cantar a dor que se sente pelo pecado do mundo, que, em todos os tempos e de tantas maneiras, crucifica os filhos de Deus e prolonga, assim, a Paixão de Cristo”.
http://portaldoleblon.com.br/wp-content/uploads/2013/02/Celebracoes-de-Quarta-feira-de-Cinzas.jpgNeste sentido, a Liturgia do tempo quaresmal é de uma riqueza muito profunda, quando bem celebrada e bem vivida em nossas comunidades, pelas equipes de liturgia e nós, músicos, em nossos corais, bandas e ministérios.
Embora a Liturgia dos anos A, B e C proponha-nos os mesmos Evangelhos nos dois primeiros domingos da Quaresma, o itinerário a ser percorrido é diferente, e neste ano A, somos convidados a viver a temática do Batismo.
Antes de refletirmos sobre a música na Quaresma, permitam-me, de maneira bem sucinta, discorrer sobre os Evangelhos nos cinco finais de semana.
No 1º Domingo o Senhor nos convida a adentrarmos ao deserto e lá vencermos as tentações. No 2º Domingo ouvimos o Pai dizer: “Eis meu Filho muito amado no qual eu pus todo o meu agrado”. É o domingo da Transfiguração. No 3º Domingo, estamos diante do poço de Sicar e da Samaritana, e com ela pedimos: “Senhor, dai-nos de beber”. No 4º Domingo contemplamos a cura do cego de nascença. No 5º Domingo somos convidados a ressuscitar com Lázaro para uma vida nova.
A Constituição Sacrosanctum Concilium nos diz, no nº. 112 que “a tradição musical da Igreja é um tesouro de inestimável valor, que excede todas as outras expressões de arte, sobretudo porque o canto sagrado, intimamente unido com o texto, constitui parte necessária ou integrante da Liturgia solene”, por isso que achei viável, antes de tudo, perpassarmos os olhos sobre o Evangelho de cada final de semana.
http://www.arquidiocesepb.org.br/uploads/imagensInternasNoticias/images/fevereiro2014/conversao.jpgAgora, munidos da Palavra de Deus podemos caminhar e tornar nosso repertório para a Quaresma ainda mais Mistagógico, ou seja, torná-lo ponte que nos leva ao Mistério celebrado, como continua a Constituição S.C. também no nº. 112: “A música sacra será tanto mais santa quanto mais intimamente unida estiver à ação litúrgica, quer como expressão delicada da oração, quer como fator de comunhão, quer como elemento de maior solenidade nas funções sagradas”.
As músicas utilizadas em nossas celebrações quaresmais devem ter um caráter sóbrio. Os instrumentos, neste tempo devem sustentar o canto, prevalecendo ainda mais o cantar da assembleia. Em alguns cursos que frequentei era-nos proposto utilizar somente o
órgão. Porém, penso que podemos utilizar todos os nossos instrumentos desde que não caiamos no pecado do exagero como muitos caem. Quaresma não é Páscoa, logo não podemos “fazer festa”, pois estamos em um retiro espiritual com o Senhor, já que Ele nos convidou no 1º Domingo a fazermos a experiência do deserto. A festa virá com a Ressurreição.
Omitimos o Glória até a Missa da Ceia do Senhor, quando celebramos a instituição do Sacramento da Ordem e da Eucaristia. O Aleluia voltará a ser cantado apenas no Sábado Santo, anunciando, assim, a Ressurreição do Senhor.
Nas celebrações quaresmais, optemos por rezar o Ato Penitencial e o Santo. Cultivemos, pelo menos na Quaresma, a prática do silêncio. Não cantemos nada após a Comunhão. Deixemos nossos corações em silêncio.
http://2.bp.blogspot.com/-XIFi3buBgb0/T0bPWr7j5oI/AAAAAAAAAPk/9IVUqlfDh7A/s1600/quaresma3.jpgAdélia Prado, grande poetisa brasileira, disse em uma entrevista que tem algumas celebrações que a gente sai da Igreja com vontade de procurar um lugar para rezar. Nós só podemos ouvir depois que nos calamos. E na Quaresma, o calar para ouvir é ainda mais forte. A atitude de silêncio deve prevalecer em nossas celebrações.
Que possamos viver este tempo litúrgico em profunda reflexão. Morramos para o pecado e, com Cristo, renasçamos para a vida nova.